Presidente do FMI ataca política econômica do Brasil e deve ser demitida

A brilhante PEC 55 e as medidas amargas para a gentalha preparadas por Meirelles não foram louvadas, como deveriam, por Largarde

A presidente do FMI perdeu grande chance de ter ficado calada ao tecer fragorosas críticas à política econômica implantada no Brasil pelo governo remidor nacional, comprovando que é uma incompetente e de economia não entende nada, e que não chega sequer aos pés de Míriam Leitão. Quem é essa senhora para se contrapor a Henrique Meirelles e suas medidas amargas para os pobres? Que história é essa de levar em conta a desigualdade social? Comunismo puro!

Ferme la bouche, madame Lagarde, ferme la bouche! Não derrubamos um governo de gentalha para ficarmos cheios de consideração pela mesma, oras, e só porque concedemos a alforria não significa que temos que dar qualquer tipo de vantagens para este tipo de gente. O nosso país é o país de meritocracia de bem, das boas famílias, é para eles que fazemos nossa política econômica e não para ficar distribuindo renda para o populacho desqualificado, e além disso, “a desigualdade é nociva” só se for na sua casa, Mr. Lagarde, pois para os homens bons do Brasil ele é muito benéfica, pois mostra cada vez mais o quanto somos especiais. E depois, quem prega igualdade é comunista.

Já basta o trabalho que teremos para reverter os anos de subversão dos estamentos sociais da era Lula e reconduzir a gentalha ao seu lugar, nós, homens de bem, nem vamos levar em consideração suas tolas palavras, pois sabemos que contraprodutivo é desperdiçar dinheiro com os pobres, uma vez que este já nasceram fadados ao fracasso e devem se conformar com isso, sendo que para estes, quantos mais medidas amargas tomadas pelo governo melhor. Infelizmente o FMI virou um antro de comunistas.

Comentar no Facebook

Comentários

43 Comentários para “Presidente do FMI ataca política econômica do Brasil e deve ser demitida

  1. Coronel Lalado
    23 de janeiro de 2017 em 10:44

    Abençoado prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida 7×1 com phorça, movimento cívico pela meritocracia ‘vãoparáq’essa’ôrraê!’,

    Estou deveras impressionado com Dra Carminha, em hum gesto de phorcte simbolismo, permitiu que a alta machocracia nacional phosse registrada, no velório do Teori, sóbria e bonita, como sempre. Aphinal urgia continuar salvando o pais espalhando cargos!

    • Coronel Lalado
      23 de janeiro de 2017 em 10:47

      A phoctographia phicou hum pouco saturada de contrição, mesmo assim é bonita,

  2. Rever O. Freven
    22 de janeiro de 2017 em 21:36

    O urubu
    12/07/2016
    |
    de Carlos Marighella
    Pairando pelo espaço onde quer que pressinta
    carniça, podridão, matéria decomposta,
    essa ave original de cor preta retinta
    o cheiro da imundície alegremente arrosta.

    Vem descendo depois. Já não é uma pinta
    escura na amplidão do firmamento exposta.
    Vem descendo inda mais, cada vez mais distinta,
    até que no terreno o corpo feio encosta.

    Desde então principia a ceia horripilante
    e belisca a esterqueira e grunhe a cada instante,
    sacudindo-se toda, inquieta e assustadiça.

    Assim como o urubu há no alto muita gente
    poderosa a fartar que, entanto, moralmente
    só consegue viver à custa de carniça.

    MARIGHELLA, Carlos. Poemas. Editora Brasiliense: São Paulo, 1994, p. 22.

  3. Arimatéia Neves
    22 de janeiro de 2017 em 11:12

    Este site continua um valhacouto de pessoas idosas íntimas do Dr. Alzheimer, respondem a si próprios, e possuem pseudônimos estranhos.
    Coronéis, padres, comendadores, faraós, professores, nomes quase impronunciáveis.
    O que chama atenção maior são as bobagens escritas muitas vezes com uma gramática inventada para parecer arcaica, tudo patrocinado por um sujeito que se auto-intitula professor ostentando um sobrenome que sugere falsamente uma familia tradicional.
    A chamada terceira idade permite preferência em atendimentos e estacionamentos mas não autoriza a propagação de insanidades.
    Caiam em si e parem. Chega.

    • Jotage
      22 de janeiro de 2017 em 21:01

      Caro Arimatéia.
      Não adianta disfarçar, pelo sobrenome você é dos nossos.
      Quanto às pessoas idosas, eu por exemplo, só tenho 64, um jovem.
      Quanto a você, é aquele da bíblia, mais conhecido por José?

    • Heidi Maria
      22 de janeiro de 2017 em 21:35

      Arizinha,

      Você é igual muriçoca, quando faminta faz barulho. Assim te mando um lanchinho, mesmo que virtual

      • Heidi Maria
        22 de janeiro de 2017 em 21:36
  4. Von Kasca
    21 de janeiro de 2017 em 20:42

    Nobres Confrades

    Eis aqui as falsas profecias de um barbudo comunista dum passado
    não muito remoto…

    • Coronel Lalado
      22 de janeiro de 2017 em 9:44

      Caro Dr Von, sim, a estória provou que este rapaz, o Monomeneás, estava errado. Hoje a China produz 50% do aço no mundo, graças não a vale privaptizada, mas a empresas no caribe.

      E as siderúrgicas não se mostraram ‘econômicas’ devido ao preço do carvão e do minério de pherros, ambos importados dos paraísos phiscaes da América central. O privaptista Steinbruch pediu ajuda as siderúrgicas naceonais, a dele e do Geldal, aphinal o resto é multinacional indiana ou então é pequena e já quebrou. Hum sucesso as privaptizações. Tomou SeuNomenéas.

  5. Coronel Lalado
    21 de janeiro de 2017 em 14:22

    Ungido prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida 7×1 com phorça, ethicos e demaes seguidores das propheccias juká,

    Huma cousa é certa, espta senhoura Lagarte nunca tornar-se-á huma Borbolet ! Nunca!

  6. Coronel Lalado
    21 de janeiro de 2017 em 9:12

    Abençoado prophessor Doutor D’Almeida Prado, organizada 7×1 phorever, movimento votosim “ma’vãoparáq’essa’ôrraê!”,

    Phiquei in-dig-na-do com Donald, na contra-mão dos livres mercados, disse: “A proteção vai nos fazer forte”. Por acaso ele já conversou com Mr Meirellles sobre a mágica dos livres mercados?

    • Coronel Lalado
      21 de janeiro de 2017 em 9:20

      “E os votos que fiz hoje são para vocês, norte-americanos”, o que será que ele quis dizer com ispto? Vae deportar nossos indignados contratudoisptoqueaêesptá para o México, como se phossem chicanos e cucarachas? Deos.com meo!

      • Coronel Lalado
        21 de janeiro de 2017 em 9:24

        E Doutor çErra não vae tormar providências? Phosse Doutor èphêàghácê chanceler, depoes de tirar os sapatos, já estaria no salão oval lembrando os bons tempos da sua disputa com Mônica Lewinsky! A chancelaria tem o seu, dela, lado bom.

        • Coronel Lalado
          21 de janeiro de 2017 em 9:26

          Correptamente pedindo que os petistas, que lá tivessem, phossem mandados para Cuba!

    • Heidi Maria
      21 de janeiro de 2017 em 16:29

      Coronel Beatificado,

      Assisti, inadvertidamente ao jornal do canal 20 (Rede TV Intrigas) e dei de cara com uma dupla mais que comunista, Ricardo Azedo e Boris Carloff, a descer o pau in Mr. Donald, pelas suas idéias. E no entanto Mr. Meyrelles só recebe aplausos desses old reds o que atrapalha os´meus pensamentos.

      • Coronel Lalado
        21 de janeiro de 2017 em 18:47

        Prezada Doutora Di’Maria, há hum certo bolivarianismo nas palavras do Donald que phica maes palatável quando dita em inglês, ” … a partir d’agora e d’aqui por diante a America primeiro, os americanos primeiro”! Parece o Chavez ou o Lulla se trocasse a America pela Venezuela ou o Brazil !

        Por ouptro lado temos o altruismo do Doutor Meireles que diz, primeiro o mercado, que são os bancos, em nome do mundo globalizado, local onde atuam sem restrições bancos e multinaceonais que, com as varinhas mágicas do mercado, vão trazer o desenvolvimento ao Brazil. Não é muito maes lógico?

        Pode ser dito despta phorma: se importamos plataphormas de petróleo de Singapura venderemos petróleo barato para o zeua e europa porque aqui temos que pagar os produtores de alcool da Phiespê e a gasolina não pode ser assim tão barata!! Não é muito melhor?

  7. emerson57
    21 de janeiro de 2017 em 8:03

    A matrix do bananal já é 45!
    “Trump toma posse como 45º presidente dos EUA”
    ÇERRA45 vice fegacê, só em 2038!

  8. Conde Castilho D'Albuqeurque
    20 de janeiro de 2017 em 13:58

    Esthão a falar que foi uma ave da família Ramphastidae que derrubou a aeronave

  9. emerson57
    20 de janeiro de 2017 em 13:09

    E lá vem outro Capitão Lamarca,
    komunista como o primeiro,
    lavar a limpeza:
    https://twitter.com/woodstock_59/status/822088600682692609

  10. emerson57
    20 de janeiro de 2017 em 13:05

    DoriaNA espalha o sorriso deixando a cedade maes limpa:
    https://youtu.be/6t9iL3PsFro

  11. Coronel Lalado
    20 de janeiro de 2017 em 12:33

    Ungido prophessor Doutor D’Almeida Prado, organizada pelo 7×1, demaes patos

    Hoje é a inauguration do Pato Donald, phelizmente as rephormas, necessárias e imprescindíveis, já esptão praticamente aprovadas, não há o que temer, agora é só esperar que os mercados phaçam suas, deles, mágicas e tudo estará bem.

    • Coronel Lalado
      20 de janeiro de 2017 em 12:36

      Os presídios, os terceirizados em especial, sempre phoram a phorma correcta de cuidar da segurança, poes é lá que brevemente jogaremos os demenor.

      Doutor kojack deveria tomar providências e, por huns dias apenas deixar de cortar a erva maldita, comandando pessoalmente a bancada BBB dar huma lição de ethica e moral nestes presos amotinados! Porque não propor huma PêPêPê com o PêCêCê?!

      • Coronel Lalado
        20 de janeiro de 2017 em 12:48

        É necessário dar hum basta nesta noptícias de que as phacções nos presídios comandam o crime organizado! Organizado nada, olha aquela bagunça no presídio de Natal!! E como eles transportariam e venderiam a droga se de lá não podem sair?!

        Doutor kojack deveria processar esta imprensa marrom que quer impedir a terceirização dos presídios divulgando estas phalcidades e estultices. E não é só a bancada BBB e seus, deles, prepostos que perde, perde o Brazil já que hum preso terceirizado phica muito mais barato quando os presídios são superlotados!

  12. Coronel Lalado
    20 de janeiro de 2017 em 12:31

    Abençoado prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida 7×1, movimento “vãoparáq’essa’ôrraê!”, ethicos e indignados “vãoparáq’essa’ôrraê!”

    Huma cousa é certa, o Santo é phorcte! Melhor dizendo, Santos, arcanjos, anjos e querubins.

  13. Rever O. Freven
    20 de janeiro de 2017 em 0:30

    Na viagem para a ocidental praia lusitana
    Os barões assinalados, o beiço e o vampiro
    Tramaram o fim dessaporra para ty
    Nos mares nunca dantes navegados

    • Francisco A. Lisboa
      20 de janeiro de 2017 em 6:40

      Sr. Rever,
      Pensei a mesma cousa. Daria, p.f., ver se a “rota” utilizada foi a mesma do personagem grego Ulisses? Os mares do bananal têm mistérios tal qual o velho Chico de onde o oculto do mistério se escondeu sei que levas todos em ti…
      Um adendo: quando chega a vez dos “profissionais” a conversa muda de figuras não aqueles xexelentos barbudinhos amadores.

      • emerson57
        20 de janeiro de 2017 em 8:12

        O céo epstá de urubu voar de costas.
        Até avião que nunca caiu está caindo!
        Nos valha S. Serapião.

    • Licinius Crassus
      20 de janeiro de 2017 em 9:40

      Tudo normal , na terra do bananal
      As aves que aqui voam, não voam como lá
      A sangria foi estancada, o sargento deu o sinal
      quem ontem muito temia, hoje não mais temerá
      Acode, Acode, Acode, a elite nacional
      Que moro não esmoreça, de impedir o lulalá

  14. José Vicente de Magalhães
    19 de janeiro de 2017 em 12:40

    Mestre Hariovaldo e demais confrades: eu quero pedir uma opinião dos abalisados confrades acerca deste senhor. Ele me lembra alguém, tanto pelas ideias quanto pelo rosto e postura. Quem será??? Só sei que é um grande democrata, um homem de bem

    http://www.dn.pt/mundo/interior/fundador-da-blackwater-esta-a-bombardear-na-libia-5614254.html

  15. revenger
    19 de janeiro de 2017 em 12:39

    Essa Lagarta petralha não deveria se meter em economia. Deveria sim, ficar em casa, recatada e dolar, e se preocupar com os afazeres domésticos como: escolher o cardápio e fiscalizar de perto as empregadas, comprar bolsas e sapatos e fazer academia com personal trem pra ficar bonita pro marido.

  16. José Vicente de Magalhães
    19 de janeiro de 2017 em 12:31

    Tudo isto por causa do mau exemplo da insubmissão feminina perpetrado pela búlgara comunista.
    Onde já se viu, Mestre Hari, uma moçoila dar palpite nas economias alheias. Aqui, como muito bem mencionou o nosso michê, mulher é coisa de segundo escalão. Quem é essa gaja magricela (como diz nossa amada Heidi Maria) para zoar nos púdicos ouvidos do nosso tesoureiro mor? Vá catar coquinho ou ver se eu estou ali, sinhá mocinha. Quem manda aqui somos nós, os herdeiros dos estamentos da velha república onde o voto era revisto e se os eleitores votassem mal os nossos pais e avós corrigiam a votação. Agora este povaréu continua votando mal e ainda vêm estas palpiteiras… era o que faltava. Lmamentável.

  17. Von Kasca
    19 de janeiro de 2017 em 11:57

  18. Coronel Lalado
    19 de janeiro de 2017 em 11:36

    Abençoado prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida patramada 7×1, movimento cívico pela ethica d’os patos na políptica “vãoparáq’essa’ôrraê!”

    Doutor Meirelles, por certo, desconsidera phenômenos menores da globalization como o Brexit e o pato Donald. Esptá correcto em não dar ouvidos à espta nova retórica do èphêèmêí e banco mundial, que no passado abriram a economia do Brazil na marra. Sim são eventos menores, eles passam os resultados do newlibelê permanecem, o que importa, e o que phica, são os juros.

    Espero que o Pato Donald, antes do phim de seu, dele, mandato, tenha humildade e peça desculpas a este jênio da raça e diga, em seu inglês de descendente de imigrantes:” Mr Meirelles vocês estava corretas na seu globalization para os ouptros!”

    Por trás d’aquele cabelinho e linguajar antiglobalização há hum ser carente de amor e reconhecimento. Por phavor Mr Meirelles huma palavra de carinho para’quele ser!

  19. Coronel Lalado
    19 de janeiro de 2017 em 11:14

    Ungido prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida 7×1, movimento pela moralização da políptica “vãoparáq’essa’ôrraê!”

    Doutor Meirelles, ungidão que é, pisou sem dó nesta senhoura: “O crescimento brasileiro no passado foi muito baseado no mercado doméstico. Temos que aproveitar melhor a globalização como outros emergentes o fizeram, e estamos caminhando nessa direção.”

    • Coronel Lalado
      19 de janeiro de 2017 em 11:17

      Vou traduzir, Dona Lagarte, estamos phlexibilizando a obsoleta Lei Aurea!! Brevemente em quaouqer loja de 1,99 produtos bra-Zi-le-i-ros, é o que garante a Phiespê, que nunca vae pagar os patos.

    • Coronel Lalado
      19 de janeiro de 2017 em 11:19

      E a surra não parou: “No caso dos emergentes, a globalização foi definitivamente positiva. No caso do Brasil especificamente, o que precisamos fazer é reformar a economia para obtermos maiores vantagens da globalização, porque esse não foi o caso até o momento”, afirmou.

      • Coronel Lalado
        19 de janeiro de 2017 em 11:20

        Trata-se do maes phino pensamento econômico magico-positivo de telejornal. Os exemplos esptão aê, de exportadores de caphé para o mundo todo, passamos a exportar soja e minério de pherros para a china. Mas amanos New York, que phique bem claro!

      • Coronel Lalado
        19 de janeiro de 2017 em 11:21

        Doutor Peter Relative concorda e dá o exemplo, vae a justiça para não ter que comprar conteúdo naceonal de plataphormas e equipamentos ! Mister Relative é muito show, explica com seu economês clássico: não existe propina e corrupção no mundo globalizado, aliás a presença de Mister Janota em Davos prova ispto! Dr Janota usava hum terno globalizado deslumbrante!

        • Coronel Lalado
          19 de janeiro de 2017 em 11:23

          É a emergência do Brazil em huma área que alimentará milhões de almas globalizadas:JU-RIS-PRU-DÊN-CIA!!

  20. Coronel Lalado
    19 de janeiro de 2017 em 11:13

    Abençoado prophessor Doutor D’Almeida Prado, torcida 7×1, movimento pela moralização da políptica “vãoparáq’essa’ôrraê!”

    Temos que dar o devido desconto, Dona Lagarte, com hum nome desptes…, não acompanha o jornal nacional com phaz Dra Carminha em prol da governabilidade, e muito menos tem a chance de conversar pessoalmente com nossas sumidades econômicas. E quando acontece é este vexame!

  21. Rever O. Freven
    19 de janeiro de 2017 em 7:56

    Ilmos. Srs. e Sras.
    Olhem a cor da roupa !
    Vermelha !
    É comunista !
    Por aqui está tudo bem.
    Deixe-nos em paz .

  22. Ramsés
    19 de janeiro de 2017 em 7:44

    Como assim “a desigualdade é nociva” ?
    Vai dizer que ela permite creados à mesa??
    Ora, aqüi sabemos distinguir as dipherenças, separamos o joio do trigo, aqüi temos a rede da emissora das revoluções:

    Qualquer confusãoÉ Culpa do Petê!

  23. Heidi Maria
    19 de janeiro de 2017 em 7:38

    Mestre,

    Bem diz o grande. Giusepe Serrotte, inspirado no Duck Trampo, mulher tem que se limitar aos afazeres dólar como a primadonna brasiliana. Essa gaja devia consultar a UniCBN ou UniGrobbu e aí entenderia do metier.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *